Notícias

Atualização da playlist Amores 360 com DJ Raiz

Foto: Diamile Casas

Diretamente de Salcity e carregadíssimo de muitas referências africanas, sobretudo dos Sounds System Jamaicanos. Hoje convidamos o incrível DJ Raiz, para a nossa play Amores 360!

Raíz, é integrante da equipe de som Ministereo Público Sound System, primeiro “Paredão” da Bahia, inspirado nos Sounds Systems Jamaicanos. O DJ já se apresentou em diversas cidades do Brasil como São Paulo, Rio de Janeiro, Manaus, Belém, Fortaleza, Recife, Fernando de Noronha, Petrolina, entre outras, além de países como Portugal (Porto) e Inglaterra (Brigthon e Londres).

Em sua trajetoŕia já dividiu palco com grandes lendas da nossa música preta como U Roy, The Congos, Lazzo Matumbi, Ponto de Equilíbrio, Black Alien, Racionais, Talib Kweli, Preta Gil, Tropkillaz, entre outros. Raiz foi DJ residente do Camarote Expresso 2222 nos anos de 2015 à 2019 no Carnaval de Salvador além de tocar em vários trios elétricos.

Foto: Alex Dantas

Como Produtor Musical, Dj Raiz assina várias músicas, como na trilha sonora da série “Casa da Avó” disponível na Wolo.TV , como também o álbum “Sistema de Som Perambulante”, lançado pela Red Bull (2009) e os EPs “Nem Riddim” (2017) e “Só um Jogo” (2020) do Ministereo Público Sound System, além do EP “Melanina” de Mila Santana feat Dj Raíz e nos singles “Ragga Repente” de Russo Passapusso e Cicinho de Assis, “Melô do Vatapá” do Bemba Trio, “Capim Guiné Remix” do Baiana System, Titica e Margareth Menezes, entre outros.

Confiram abaixo o papo que tivemos sobre a sua curadoria nessa play

Amores Sonoros – Como foi que você conheceu o Amores Sonoros?
DJ Raiz –
Conheci o Amores Sonoros através desse convite né? Por Gustavo, foi como eu fiquei sabendo desse projeto.

AS – Rolou algum critério na seleção das músicas? Se sim, quais? Gosto pessoal, referências?
DJ Raiz –
Então os critérios na verdade, foi o meu desejo mesmo de promover esses ritmos africanos, que são dançados a dois, a Kizomba, a Semba, especificamente os de Angola e que vários países da África tocam, produzem. São ritmos que eu gosto muito de tocar, são músicas bonitas, músicas swingadas que eu acho lindo quando tem pessoas que sabem dançar esses ritmos, né? Casais dançando, enfim, é uma dança muito bonita. Foi pelo desejo de promover esses ritmos e esses artistas aqui na Bahia, no Brasil

AS – De que forma as músicas e/ou os artistas que você selecionou impactam em seu dia a dia?
DJ Raiz – Essas músicas, esses artistas, esse ritmo, né? É um ritmo apesar de parecer lento também é um ritmo quente, é um ritmo sensual. Nas letras, os artistas escrevem sobre o amor, sobre um casal ou sobre uma relação de pessoas beirando o romance brega, mas que também puxa pro lado sensual e até sexual do casal, né? Nessa playlist aí lá pelo meio tem umas pegadinhas, do casal, assim uma provocação, uma coisa que provoca mesmo, né? É a forma que eles escrevem, pelo menos pra gente aqui no Brasil, chama atenção, a forma que eles desenvolvem a poesia, a letra, o flow, as palavras que eles usam acho que impactam bastante o público, né? E por ser um ritmo dançado a dois a coisa fica quente, muito quente (risos).

AS – E se você pudesse escolher UMA favorita dentro de todas da playlist, qual seria?
DJ Raiz – Então vamos lá, música favorita pra mim é difícil, hein? Mas eu acho que “Olhos Café” (DJ Ritchelly, Duc, Niiko) pode ser a favorita, pode ser eleita a favorita, “Olhos Café”. A forma que eles cantam, que eles escreveram e elogiam a mulher preta e africana é muito massa!

0 comentário em “Atualização da playlist Amores 360 com DJ Raiz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: